sexta-feira, 30 de abril de 2010

por que o gato faz xixi fora da caixa de areia?


É comum proprietários se queixarem que o gato está urinando fora do local correto, às vezes até bem perto, mas não dentro do granulado sanitário. Mas por que?

Devemos, antes de mais nada, lembrar que os felinos têm por hábito higiênico cobrir suas excreções (fezes e urina) para não deixar rastros pelo local em que passou, uma vez que são caçadores natos.

Quando o gato faz xixi fora da caixa de areia, é importante diferenciarmos três problemas:
> Marcação de território;
> Problemas de saúde;
> Problemas comportamentais.

A marcação de território é comum em gatos machos não castrados. Eles espirram a urina em jato nas paredes, móveis e até mesmo na borda da caixa de areia. Esse comportamento é diferente de urinar em lugares inapropriados – xixi em grande quantidade no chão, tapetes e carpetes, por exemplo. A solução para a marcação de território é a castração, pois tirando a influência hormonal os sintomas somem.

Com relação ao xixi fora da caixa de areia – uma questão de saúde – devemos prestar atenção não só no local da urina, mas em como o animal está fazendo o xixi: se fica na posição de micção mais tempo do que o normal, se a urina demora a sair e sai gotejada, ou até mesmo se sai com sangue (difícil de ver no granulado, mas com um papel higiênico branco podemos conferir). Os problemas mais comuns são cistites, cálculos urinários, diabetes, insuficiência renal e hepática, infecção uterina nas fêmeas, problemas hormonais e até mesmo tumores. Nesse caso, o médico veterinário deve ser procurado o mais rápido possível.

Já os problemas comportamentais são mais comuns e nem sempre fáceis de resolver. Gatos têm peculiaridades para tudo – para comer, para sair de casa e principalmente para sua higiene pessoal. Vamos abordar algumas questões:
- Muitos donos insistem em comprar granulado perfumado justamente para diminuir o odor forte que a urina deixa, mas a maioria dos gatos nem chega perto da caixa só de sentir o perfume. Lembre-se de que quem tem que gostar da areia é o gato e não você. Isso também vale para as diferentes marcas, cada gato tem sua preferência;
- Os granulados brancos também não são indicados para gatos com problemas respiratórios crônicos, como bronquite ou asma, pois ao raspar a areia para cobrir suas excreções, “sobe” aquele pó branco de sílica, piorando sua condição;
- Nunca esfregue o focinho do gato na sua própria urina feita em local incorreto para repreendê-lo. Isso não funciona nem para cães, quanto mais para gatos. Na verdade, eles memorizam cada vez mais aquele cheiro e local, voltando lá depois para urinar novamente, ou seja, o efeito é inverso!
- O local onde fica a bandeja tem que ser limpo – de preferência trocar a areia assim que o gato fizer suas necessidades, pois dificilmente eles voltam com a bandeja suja. Essa limpeza não pode ser com produtos com cheiro muito forte para não afastar o gato da bandeja, deixando em sua memória um odor desagradável de desinfetante;
- Produtos de limpeza a base de amoníaco em qualquer lugar da casa só vão atrair o gato a urinar novamente quando isso já está acontecendo, pois o amoníaco “imita” o odor da urina felina, que é rica em compostos semelhantes;
- Em locais com mais de um bichano, a competição pode gerar alterações no hábito de urinar e estimular todos a fazerem o mesmo. Coloque caixas de areia em locais diferentes;
- Também com vários gatos, as caixas não podem ser poucas. Uma regrinha básica: para o número de gatos, uma caixa a mais do total – quatro gatos = cinco caixas. Afinal, eles também não gostam de banheiro sujo!
- Comida e água sempre devem estar longe das caixas; gatos são muito higiênicos para se alimentar perto de onde evacuam ou urinam. Uma dica: se ele está fazendo suas necessidades fora da caixa de areia e sempre no mesmo lugar, coloque nesse local o pote de ração para desencorajá-lo de fazer xixi naquele local;
- O tamanho e o formato das caixas também são importantes. Gatos não gostam de ter de fazer “ginástica” para entrar e sair da bandeja de areia, portanto bordas altas podem ser problema, assim como aquelas caixas que possuem “tampas”. A quantidade de areia também não pode passar de dois centímetros, mais ou menos, pois eles não gostam de “afundar” as patinhas e ter de se limpar depois. Use areia suficiente para cobrir o fundo da bandeja e troque-a com frequência;
- As caixas têm que ter fácil acesso e ficar em lugares tranquilos – nem os gatos gostam de tumulto na hora das necessidades! Objetos novos, estranhos ou barulhentos, como uma máquina de lavar roupas, por exemplo, podem causar medo no gato, fazendo com que ele associe a caixa sanitária ao susto, o que pode levá-lo a deixar de usar a caixa;
- Por último, o fator estresse – ele contribui bastante para a caixa sanitária deixar de ser usada. Animais novos em casa, visitas, festas, reformas, mudança de residência, volta do banho/hotel/consultório veterinário, problemas de socialização entre os animais existentes no território, enfim, tudo isso é significativo para que o comportamento felino mude.

As informações e sugestões de saúde e bem-estar para o seu bichinho contidas neste blog têm caráter meramente informativo e não substituem o aconselhamento e o acompanhamento do Médico Veterinário de sua confiança. Somente este profissional é capacitado para diagnosticar e medicar seu bichinho de estimação.

12 comentários:

Anônimo disse...

o meu gato está fazendo xixi nos locais mais improváveis, até em cima da cama tem acontecido.Quando saio fico até com medo de deixá-lo sozinho, mas tenho que sair prá trabalhar....enfim,preciso de uma solução prá isso pois a coisa tá ficando sem controle.A caixa de areia está sempre limpinha mas ele insiste.O que devo fazer?existem produtos atrativos para que ele se acostume a usar apenas a caixinha de areia?

Amanda disse...

Meu gato está fazendo xixi em vários lugares (paredes, móveis e até na cabeceira da cama). Ele parava durante um tempo e logo volta.
Já limpei com vários produtos, mas nada adiantou.
Ele não passou por nenhuma mudança, a caixa de areia dele está sempre limpa (ele usa a caixa normalmente), não chegou nada novo em casa, enfim...
Ele tem 5 anos e não é castrado, mas o veterinário disse que a castração não é 100% garantia de que vai parar de urinar nas paredes.
Alguma sugestão do que pode ser?

Alexandre disse...

Meu gato esta fazendo as vezes xixi no tapete da sala, nos tapetes do banheiro. Eu sempre limpo a caixa pelo menos de manha e a noite. Quando ele fez xixi nos tapetes eu percebi que a caixa estava suja. E nesses dias eu fique o dia inteiro fora. Será que ele fez xixi fora da caixa porque estava suja ou ele está estressado ou são os hormonios?

Obrigado

Anônimo disse...

Tenho um problema ajudem-me
Tenho um gato de 6 meses e a partir da semana passada ele faz as suas necessidades na caixinha mas urina sempre no chao da cozinha,
O que posso fazer?

Anônimo disse...

Eu tenho três gatos e nunca tive problemas com eles a nãos ser de há três meses para cá, o macho que foi castrado com oito meses, continua a fazer xixi ou é nas toalhas de banho, roupa, caso se esqueça na casa de banho e agora a ultima fez na cama da minha filha. Eu sei que é o gato, pois já o vi a fazer na toalha. As duas gatas são também operadas e muito limpas, eu não sei o que mais fazer, pois seu caixote é higienizado todos os dias. Já o vi fazer na toalha porque o retirei da cama da menina que não deixo estarem nas camas é o único lugar que não deixo e ele deixou-me ir deitar e foi fazer na toalha que conseguiu apanhar. O gato é muito manso, meigo mesmo, mas não sei até onde vou agüentar, pois o cheiro de xixi é insuportável e ainda esta semana deitei fora um colchão por não conseguir retirar o cheiro de xixi. Podem me ajudar é que estou a beira de um ataque de nervos. Ele é a discussão da casa. Obrigado e aguardo vossas prezadas noticias.
sororbeti@live.com

Ana Carolina Figueira Gazell disse...

Olá a todos,

estou com um problema, meu gato, desde que o adotei, é castrado, e macho. Não tive problemas no início para treiná-lo a urinar na caixinha, mas de uns tempos para cá, ele vem urinando em vários locais, como tapetes, camas, e até na caminha dele ele urinou, além disso, ele faz urina e fezes nos cantos dos quartos... Ele eventualmente usa a caixinha, mas nem sempre. Eu acredito que seja preguiça, pois ele fica nervoso quando eu ainda nem vi que ele fez xixi ou cocô no local errado, como se já soubesse que viria a bronca, então no meu entender, ele sabe que está errado. Então, é para chamar a atenção???? Eu dou carinho o tempo todo para ele, o que eu devo fazer neste sentido???? Usar a erva do gato para corrigir esse problema funciona???
Ultimamento por conta disto tenho restringido ele a ficar no mesmo ambiente que eu. Mas hoje, ele deitou na caminha dele, na sala, enquanto eu estava trabalhando na escrivaninha, e urinou, depois , de um tempo, ele saiu, veio falar comigo, como se algo o incomodasse, a urina dele mesmo! Então fui ver a caixa com o travesseiro dele, estava com urina. Joguei fora! Dei um banho nele, afinal ele deitou e urinou e ficou ali....

Estou já cansada, sei que não é culpa dele, mas tb não é minha. Portanto, pergunto à você cara veterinária, o que fazer, além do que já foi escrito acima?

Porque o que está escrito acima neste post eu já faço!

Um abraço,

Ana

Rafael Rito disse...

Eu tenho uma gata que nao e castrada urina na caixa de areia e faz as suas fezes.Mas urina nas toalhas de banho, roupas,colchoes. Nao sei o que fazer agradecia muito que me ajudasse obrigado.

Anônimo disse...

Olá...
Tenho uma gata de 4 anos não castrada, ela nunca fez xixi a não ser na caixa higiênica ou fora , pois moro em casa, e agora de uns tempos pra cá ela está fazendo sempre dentro de casa , nos tapetes, nas cadeiras e no box do banheiro...o que eu faço pra que isso acabe???
Obrigada.

Anônimo disse...

O meu gato está fazendo xixi nas camas todo dia. As vezes é no sofá e depois na cama da minha irmã ou de minha mãe.
Já disse que não é para fazer naquele lugar, mas não obedece com a repreensão.
O que faço?
Desespero total!!!
:(

Ana Claudia disse...

Resolvido. Minha gata é castrada e usava normalmente a caixa. Eu não usava areia, pois achei que ela se adaptou melhor ao cascalho (Tidy Cats). Depois do carnaval ela começou a urinar no chão, fora da caixa. Lavava o chão com sabão em pó, água sanitária, vinagre, por um tempo resolvia mas de repente ela voltava a urinar no chão ou no tapete da cozinha. Ela não tinha nenhum problema urinário, e até quando eu trocava o cascalho/areia, ela imediatamente inaugurava com um xixi, não aparentava nenhuma dificuldade ou dor, ou menor quantidade, então achei que era por ter ficado sozinha durante 3 dias. Precisei me ausentar novamente em um fim de semana e além de deixar as várias vasilhas de ração e água, deixei duas caixas, uma com areia, outra com cascalho. Antes fiz uma boa lavagem e desinfecção do lugar e das caixas. Ao voltar, ela tinha usado as 2, sendo que a de cascalho ela usa exclusivamente para urinar e a de areia para as fezes, que ela pode enterrar mais facilmente. Desde então adoto as duas caixas com material diferente e nunca mais ela fez fora do lugar. Fiquei meses com este problema, é realmente muito chato, fora o trabalho que dá; espero que vocês também consigam resolver!

Ana Claudia disse...

Obs: Deixo camadas de 2cm da areia e do cascalho, nas respectivas caixas. Me parece que gatos não gostam de "afundar" no material.

Anônimo disse...

Meu gato urinou duas vezes dentro da sua ração. Ele está com obstrução da uretra, eu já estou tratando , mas o gato está urinando em locais muito inusitados.Acho que ele está com problemas comportamentais também. Não sei oque fazer, o veterinário só passa remédio... :(